O aniversário da ABL


Língua Pátria>

abl2Nesta quinta-feira (17), a Academia Brasileira de Letras comemorou 117 anos de fundação. A celebração foi aberta pelo Presidente da ABL, Acadêmico Geraldo Holanda Cavalcanti, que proferiu a leitura do discurso proferido por Machado de Assis, em 1897. A seguir falou a oradora oficial da cerimônia, Acadêmica Nélida Piñon. O vencedor do Prêmio Machado de Assis, cientista político, pesquisador e professor pernambucano Vamireh Chacon, encerrou os discursos, falando em seu nome e no de todos os premiados. Os vencedores dos Prêmios ABL foram: na categoria Poesia, Gabriel Nascente, pelo livro A biografia da cinza; Ficção (Romance, Teatro e Conto), Luiz Vilela, Você verá; Ensaio e Crítica Literária, João Cezar de Castro Rocha, Machado de Assis: por uma poética da emulação; Literatura infantojuvenil, Tatiana Salem Levy, por Tanto mar; e Mirna Pinsky, por Um menino, sua amiga, um  fichário e dois preás; Tradução, Safa Jubran, E nós cobrimos seus olhos; História e Ciências Sociais, Lília Moritz Schwarcz, Batalha do Avaí; Cinema, dividido entre Matthew Chapman e Julie Sayres, pelo roteiro do filme Flores Raras, dirigido por Bruno Barreto.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s