Bienal da UNE debate cultura, política e comunicação


banner-221-x-221A Bienal da UNE debate entre outros temas, cultura, política, resistência e comunicação, entre os dias 29 de janeiro e 1º de fevereiro, em Fortaleza no Ceará.

A entidade conta com a participação de mais de 5 mil estudantes, de todos os estados brasileiros. Debatedores de renome participaram do encontro de jovens universitários como o ex-ministro Aldo Rebelo e o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad. Além de Juca Ferreira, Franklin Martins, Inácio Arruda, Chico Lopes e Evaldo Lima.
A grande maratona de debates ocorrerá em diversos espaços do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e  tem início neste domingo (29/1), com mesas de debate com Ciro Gomes, Vanessa Grazziotin, Luciana Genro, Juca Ferreira, Inácio Arruda, Evaldo Lima e outros grandes nomes do cenário político local e nacional. Toda a programação tem entrada franca, com livre acesso ao público.
Neste domingo (29), das 17h às 20h, na Praça Verde do Centro Dragão do Mar, tem debate sobre “Reinvenção da economia e as saídas para a crise”, com Ciro Gomes (ex-governador do Ceará, ex-prefeito de Fortaleza e ex-ministro), a senadora Vanessa Grazziotin, do PCdoB-AM, uma das principais vozes na luta contra o golpe e contra o governo Temer, e Luciana Genro, ex-deputada federal pelo Psol-RS.
De 17h às 20h, no Teatro do Dragão do Mar, acontece a mesa sobre “A reinvenção da cultura na defesa da democracia no Brasil”, com Juca Ferreira (ex-ministro da Cultura), Ana Petta (atriz e cineasta da Clementina Filmes), Tico Santa Cruz (cantor e compositor de projeção nacional), Liliane Oliveira (integrante da Marcha Mundial das Mulheres-MMM).
De 15h às 17h, na Praça Verde, haverá ato e lançamento dos livros do Golpe 2016: “Por que gritamos Golpe?”, “O Ceará e a resistência ao Golpe 2016”, “Golpe 16”, com os convidados Marcelo Uchôa (escritor), Renato Rovai (jornalista e escritor),Edson Silva (coordenador da Intersindical), Adilson Araújo (presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil-CTB) e Camila Lanes (Presidente da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas-UBES)
Das 14h às 17h, no Auditório do Dragão, tem debate sobre políticas culturais reunindo Evaldo Lima (vereador eleito e secretário de Cultura de Fortaleza), Ivana Bentes (professora da Escola de Comunicação da UFRJ), Afonso Oliveira(secretário de Cultura de Olinda-PE), Marcelino Granja (secretário de Cultura de Pernambuco) e Javier Alfaya (Ex-presidente da UNE).
No mesmo horário, com a presença de Eryk Rocha, filho do cineasta baiano Glauber Rocha, será exibido na Sala 2 do Cinema do Dragão o filme “Cinema Novo”, dirigido por Eryk. Já às 20h será exibido o filme “O Desafio”, de Paulo Cesar Saraceni.
O domingo, primeiro dia de atividades da Bienal, tem ainda outros debates, como a mesa sobre “A reinvenção do Pessoal do Ceará”, que acontece das 10h às 13h, no Teatro Dragão do Mar, reunindo o cantor e compositor Rodger Rogério, um dos nomes mais emblemáticos da geração dos anos 70 que se tornaria conhecida por “Pessoal do Ceará”; o cineasta Nirto Venâncio, que está produzindo um documentário em longa-metragem sobre o “Pessoal”; o jornalista, crítico musical, produtor cultural e articulador da cena musical cearense Dalwton Moura e o ex-senador Inácio Arruda, secretário de Ciência e Tecnologia do Estado do Ceará.
Fernando Haddad e Franklin Martins na terça, 31/1
O ex-prefeito de São Paulo e ex-ministro Fernando Haddad também participará da Bienal da UNE, em debate na terça-feira, às 10h, na Sala 2 do Cinema do Dragão, sobre o tema “Reinvenção das fronteiras”. Haddad debaterá o tema com André Brayner, membro do Instituto África e Mestre em Direito Constitucional pela Universidade de Fortaleza.
Já o ex-ministro ex-presidente da Câmara dos Deputados Aldo Rebelo participa de debate na segunda-feira, às 10h, sobre o tema “A reinvenção do povo brasileiro com olhar no sertão”, com Paulo Linhares (presidente do Instituto Dragão do Mar), Conceição Dantas (integrante da Marcha Mundial de Mulheres-MMM), Pedro Laurentino (poeta e escritor), Leonardo Guelman (superintendente do Centro de Artes da Universidade Federal Fluminense e Coordenador do Interculturalidades).
O deputado federal Chico Lopes, que chamou atenção em todo o País ao ironizar os próprios deputados na sessão de votação do impeachment de Dilma, participará na segunda-feira, às 17h, de debate sobre o tema “A reinvenção da sátira e da crítica”, com a blogueira Tia Má e o humorista Gustavo Mendes (Humorista). O debate acontece no anfiteatro do Dragão.
Já na terça-feira, de 10h às 13h, na Praça Verde, acontece a mesa “A reinvenção da comunicação e as novas narrativas”, com a participação de Antonio Alonso, representante do Instituto Lula, ao lado de Fábio Malini (do Laboratório de estudos sobre Imagem e Cibercultura-Labic) e Renata Mieli (presidenta do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação-FNDC).
Também na terça-feira, às 17h, na Sala 2 do Cinema do Dragão do Mar, acontece debate sobre o filme “Memória do Movimento Estudantil”, com o jornalista Franklin Martins, do Instituto Lula, Vandré Fernandes (diretor do filme) e Gustavo Petta (vereador de Campinas e ex-presidente da UNE).
A programação completa da 10ª Bienal da UNE pode ser conferida no site http://www.bienaldaune.org.br e na página da Bienal da UNE no Facebook.
Mais sobre a Bienal da UNE
A Bienal da UNE, o maior festival estudantil da América Latina, chega à sua 10ª edição e celebra seus quase 20 anos de existência com uma verdadeira ocupação cultural de Fortaleza. Entre quarta-feira, 29/1, e domingo, 1/2, mais de 5 mil estudantes vindos de todas as regiões do País vão se integrar ao povo cearense e fazer do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e daPraia de Iracema a referência da produção artística, dos debates e do pensamento da juventude brasileira.
A 10ª Bienal da UNE tem como tema “Feira da Reinvenção”, em alusão ao potencial criativo do povo brasileiro e à possibilidade de reinvenção de linguagens, estéticas, formas de luta, de resistência e de arte, a partir da imagem das feiras populares. A 10ªBienal também dará início às festividades dos 80 anos da UNE, comemorados no dia 11 de agosto.
A programação da Bienal apresenta uma extensa lista de convidados, entre pensadores, artistas e ativistas, com o objetivo de reunir as diversas linguagens e expressões culturais, valorizar a identidade nacional e conectar as produções estudantis de todas as regiões do País.
“Para a UNE, é uma honra poder ser recebida em um estado que reserva tanta história, tanta luta e uma cultura tão rica, quanto o Ceará. Acredito que as trocas que serão possibilitadas nesta edição, com o encontro de gente de todo o Brasil, vão criar um ambiente bem diverso e instigante, de reinvenção e muita criatividade”, afirma a presidenta da UNE, Carina Vitral, que já está em Fortaleza, participando de atividades preparatórias para a Bienal.
Já passaram pelas diversas edições da Bienal até aqui artistas como Gilberto Gil, Oscar Niemeyer, Ariano Suassuna, Abdias Nascimento, Alceu Valença, Ziraldo, Tom Zé, Martinho da Vila, Augusto Boal, Beth Carvalho, Dona Ivone Lara, Lenine, Naná Vasconcelos, Criolo, Pitty e muitos outros personagens.
A programação completa da 10a. Bienal da UNE pode ser conferida no site http://www.bienaldaune.org.br e na página da Bienal da UNE no Facebook.
Serviço
Bienal da UNE
De 29 de janeiro a 1º de fevereiro de 2017, no Centro Dragão do Mar, em Fortaleza
Mais informações: http://www.une.org.br
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s